30 de dez de 2011

Reticências...


Esta será a minha última publicação de 2011. A verdade é que cada momento que vivemos nesta ano será sem dúvida eterno embora ache que à medida que nos tornamos mais velhos nos damos conta (mais rapidamente) da fugacidade das datas e do tempo em geral. Fiz as melhores escolhas? Aproveitei todas as oportunidades? Perguntas assim chegam-me agora. Paro para pensar.
Apenas tenho a dizer que aprendi. Aprendi de muitos muita coisa. Senti saudade, dificuldades, ansiedade, nervosismo, enfim, um conjunto de coisas.
Parece mentira dizer que um ano acaba. Parece que fechamos uma página do nosso livro de memórias e confesso-vos, não gosto de fechar capítulos. Prefiro deixar o livro em aberto e mais, prefiro escrever os meus próprios capítulos...
Com tudo isto - um 

«««*****FELIZ 2012*****»»»

Nenhum comentário: