8 de out de 2011

Tenho muito orgulho de nunca encontrar moedas quando ando na rua. É que para isso é preciso andar de olhos postos no chão, e eu ando de cabeça erguida. Deixo as moedinhas para quando tiver de me esconder de olhares recriminadores.

Nenhum comentário: